O Portal do Sebrae disponibiliza mais de 350 ideias de negócios com estudos amplos, rico em informações, para facilitar a análise e a tomada de decisão dos empreendedores.

Para quem está pensando em montar um negócio, o Sebrae é um excelente canal de informações. Além disso, também é possível realizar diversos cursos, gratuitos, nas mais variadas áreas: finanças, gestão de negócios, planejamento, marketing digital, etc.

Saiba mais do que o Sebrae tem a oferecer e veja como aproveitar esse conhecimento para começar a empreender ou até mesmo potencializar o seu negócio.

Sebrae disponibiliza mais de 350 ideias de negócios para empreender; saiba mais
Sebrae disponibiliza mais de 350 ideias de negócios para empreender; saiba mais

Ideias de negócio: o que é possível encontrar no Portal do Sebrae

O site do Sebrae é bastante didático, simples de navegar e muito completo em informações.

Para quem busca uma ideia para montar um negócio, é possível filtrar entre diversos segmentos; tais como:

  • Saúde e bem-estar;
  • Artesanato;
  • Moda;
  • Beleza;
  • Turismo;
  • Móveis e decoração, entre outros.

São 15 segmentos ao todo, no qual é possível conhecer diversos modelos de negócios em cada um desses segmentos.

Entretanto, a escolha vai depender, obviamente, da capacidade de investimento, já que alguns demandam um maior engajamento financeiro do que outros.

Mas vale ressaltar que, quanto maior for o conhecimento sobre o setor de atuação, maior a chance de se obter sucesso com o empreendimento.

Algumas das ideias disponibilizadas

  • Fornecimento de refeições em marmita;
  • Frete e transporte de pequenas cargas;
  • Hamburgueria;
  • Creche;
  • Loja de animais (Pet Shop);
  • Representação comercial.

O que o Sebrae aborda em cada modelo de negócio

Certamente, quanto mais informações a pessoa puder obter sobre o empreendimento, melhor será a tomada de decisão, para assim, decidir por investir ou não.

Nesse material disponibilizado pelo Portal, o empreendedor encontrará informações como:

  • Estrutura física exigida;
  • Dimensionamento da equipe, já com os cargos necessários;
  • Custo fixo da operação;
  • Tamanho do mercado, pois isso possibilita ter uma noção da demanda, ou seja, para quantas pessoas se pode vender;
  • Diferenciais que precisam ser construídos – como um determinado padrão de qualidade nos produtos ou serviços;
  • Estudo de localização – mostrando quais os melhore lugares para se montar o negócio (isso para empreendimentos que demanda estrutura física);
  • Processo produtivo que deve ser implantado;
  • Tamanho do investimento necessário e o potencial de faturamento e lucratividade.

O Sebrae também informa as principais fontes de financiamento, instituições financeiras, além de onde é possível conseguir recursos para investir.

Outras informações também podem ser disponibilizadas pelo Sebrae, o que vai depender do modelo de negócio.

Para quem está interessado em conhecer e estudar as ideias de negócios, basta acessar o site clicando no link.

Consultoria on-line

Outro serviço que pode ajudar bastante é a consultoria que o Sebrae disponibiliza, também de forma gratuita.

Assim, quem tiver alguma dúvida, basta acessar o mesmo site, clicar em “conversar agora” e fazer um cadastro simples.

Em seguida, um especialista em pequenas e microempresas da instituição entrará em contato.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here