O que devo fazer se o MEI foi cancelado? Veja aqui quais são os motivos e como evitar o cancelamento; confira

Um MEI cancelado pode tornar-se uma terrível dor de cabeça em sua vida, já que, na maioria dos casos, permanecem débitos com a Receita Federal

Salvador, terça-feira, 7 de junho, por Vivaldo Pereira – O que devo fazer se o MEI foi cancelado? Que tipos de transtornos eu passarei a ter? Será que é fácil solucionar tal problema?

Em resumo, de acordo com o que apurou o Valor Diário, uma das principais razões para essa ocorrência é o não pagamento das contribuições mensais na forma do “DAS MEI”. Efetivamente, essa é a contribuição mensal que todo o MEI deve fazer a partir do momento em que abre a sua empresa, e o não pagamento geralmente acarreta no acréscimo de juros na casa dos 2% ao mês.

Contudo, essa não é única razão para que um indivíduo tenha o seu MEI cancelado. De fato, isso pode ocorrer caso você não faça a sua Declaração Anual do Simples Nacional ou vincule um outro CNPJ ao já existente. Além disso, deixar de registrar um funcionário ou omitir informações exigidas pela Receita Federal também podem resultar nesse tipo de transtorno.

Você também pode gostar: Eletrobrás divulga balanço do primeiro trimestre com alta de quase 70%; confira

"<yoastmark

O que fazer se o MEI foi cancelado e como saber?

O Portal do Empreendedor é o local onde saberá se o MEI foi cancelado. E, para tal, basta clicar em “Já sou MEI”, depois em “Consultar”, e esperar que o sistema informe as razões do cancelamento.

Com isso, caso ele se confirme, de imediato você terá a sua empresa dissolvida, o CNPJ cancelado, não poderá mais emitir notas fiscais e perderá todos os benefícios previdenciários. Isso sem contar o fato de que terá que quitar todas as pendências que deixou na Receita Federal, especialmente no que diz respeito às contribuições mensais.

Leia também: Cemig divulga balanço do primeiro trimestre de 2022 com 244,6% de alta no lucro; confira

"<yoastmark

E como resolver o problema de ter um MEI cancelado?

Em suma, de acordo com matéria publicada pelo jornalista Gabriel Dau, em 15 de junho de 2021, no site jornalcontabil.com.br, tão importante quando saber o que devo fazer se o MEI foi cancelado é saber quais foram as razões desse cancelamento.

Resumidamente, essa informação, como dissemos, você obterá no ambiente do Portal do Empreendedor. De resto, você precisa saber que o cancelamento de um CNPJ é algo irreversível; só o que lhe restará é averiguar se deixou nele alguma pendência a resolver. Sendo assim, no caso de cancelamento por não pagamento das mensalidades, no próprio ambiente do portal você poderá solicitar um parcelamento em até 60 vezes, condicionado ao pagamento mínimo de 50,00 todo o mês.

Porém, se quiser saber mais sobre o que fazer se tiver o MEI cancelado, basta assistir a esse vídeo do canal “Mauro Benevenuto”. Pois, nele você obterá informações valiosíssimas, e que podem evitar, como é baste comum, terríveis dores de cabeça em sua vida ao longo dos anos.

Saiba mais: Banco Inter tem alta de 32% no lucro líquido no primeiro trimestre; confira

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.